27 de setembro de 2016

Damião e Frei Martinho

CANDIDATOS RECEBEM PLATAFORMA 
“MUNICÍPIOS PARA AS PESSOAS”


Nesta segunda-feira, 26, os candidatos dos municípios de Damião e Frei Martinho se reuniram com dirigentes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Curimataú e Seridó (SINPUC) para o lançamento da plataforma “Municípios para as pessoas: um chamado à ação para mudar o nosso lugar”.

Em Damião, os candidatos a prefeito e vereador da coligação “Juntos com a força do trabalho” participaram do lançamento.

A candidata a prefeita, Eleonora Diniz, da coligação “Rumo à vitória”, não compareceu à Câmara Municipal e nem enviou representantes. Os candidatos a vereador, também não foram à solenidade de lançamento da plataforma da Central Única dos Trabalhadores e da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (CONFETAM).

No município, além dos dois candidatos a prefeito, 30 candidatos a vereador concorrem a nove vagas na Câmara Municipal.

Eleonora Diniz, da coligação “Rumo à vitória”, fez uma composição com três partidos (PT, PSC, PSD).

Lucildo Oliveira, da coligação “Juntos com a força do trabalho”, fez uma aliança com cinco partidos (PSB, PTB, PMDB, PROS, PSDB).

À tarde, em Frei Martinho, candidatos a vereador e a prefeito das coligações “Verdade, honestidade e trabalho” e “Unidos para continuar” prestigiaram o evento do SINPUC e assinaram as propostas da plataforma.


Rommel Marques e Aido Lira usaram a tribuna e assumiram compromissos políticos relacionados às causas dos servidores públicos municipais.

Em Frei Martinho, disputam os votos dos 2.907 eleitores, dois candidatos a prefeito e 29 postulantes a vereador. A Câmara Municipal tem nove vagas.

A coligação “Verdade, honestidade e trabalho”, encabeçada por Rommel Marques, tem uma composição de quatro partidos (PMDB, PSDB, PMN, PSC).

“Unidos para continuar”, de Aido Lira, também abriga uma composição de quatro siglas partidárias (DEM, PDT, PSB, PSD).

A plataforma “Municípios para as pessoas: um chamado à ação para mudar o nosso lugar” já foi lançada em Picuí, Baraúna, Nova Palmeira, Pedra Lavrada, Damião e Frei Martinho.

Os próximos lançamentos serão em Olivedos e São Vicente do Seridó.

24 de setembro de 2016

Nova Palmeira e Pedra Lavrada

SINPUC CONTINUA DIVULGAÇÃO DA PLATAFORMA
“MUNICÍPIOS PARA AS PESSOAS”


Depois de passar por Picuí e Baraúna, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Curimataú e Seridó (SINPUC), fez o lançamento da plataforma “Municípios para as pessoas: um chamado à ação para mudar o nosso lugar” em Nova Palmeira e Pedra Lavrada. O evento aconteceu nesta sexta, 23.

Pela manhã, em Nova Palmeira, os dirigentes entregaram as orientações da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (CONFETAM) aos candidatos a prefeito e vereador das coligações “Com Deus e o povo” e “Nova Palmeira no caminho certo”.

Em Pedra Lavrada, a entrega do documento ocorreu à tarde. Apenas o candidato a prefeito da coligação “Unidos pela mudança” compareceu à solenidade promovida pelo SINPUC.

“O SINPUC esteve na Câmara de Vereadores e esperava contar com a presença de todos os candidatos. Mas, o que deixou transparecer, foi que os demais candidatos não priorizaram o compromisso com os servidores. Havíamos entregado o convite com antecedência para que os mesmos pudessem agendar essa atividade”, lamentou Sebastião Santos.

Apesar da ausência de Rigoberto Júlio e Tota Guedes, o dirigente do SINPUC torce para que, caso algum dos faltosos seja eleito, as propostas do movimento sindical sejam aproveitadas, em nome do interesse público, em suas administrações. 

Na próxima segunda-feira, a plataforma “Municípios para as pessoas” será lançada em Damião e Frei Martinho. As coligações “Rumo à vitória”, “Juntos com a força do trabalho”, “Verdade, honestidade e trabalho” e “Unidos para continuar” já foram convidadas pelo SINPUC.

22 de setembro de 2016

Nova Palmeira e São Vicente do Seridó

SINPUC DISCUTE REFORMA DA PREVIDÊNCIA
E ESCOLA SEM PARTIDO


O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Curimataú e Seridó (SINPUC) realizou, hoje, o Dia Nacional de Paralisação. O evento contou com debates nos municípios de Nova Palmeira e São Vicente do Seridó.

Fúlvio Gomes, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) e Vera Level, do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Previdência e Trabalho do Estado da Paraíba (SINDSPREV-PB), conversaram com os servidores sobre o projeto “Escola sem Partido” e “as novas mudanças da reforma da Previdência”.

Escola sem Partido

Pela manhã no Espaço Cultural Professora Leuzinha, em Nova Palmeira, Fúlvio Gomes relatou a falta de autonomia dos docentes com a implantação do projeto “Escola sem Partido” nas unidades educacionais brasileiras.

“O debate contou com a presença de alguns professores e outros servidores. Mas com um número bastante reduzido”, lamentou o secretário de Comunicação do SINPUC, Janiel Dantas.

Reforma da Previdência

À tarde, em São Vicente do Seridó, a palestra foi na Câmara de Vereadores. Com o tema da reforma da Previdência, Vera Level, do SINDSPREV-PB, abordou o assunto tanto em relação ao regime geral quanto sobre o regime próprio.

“Na oportunidade, alguns servidores tiraram suas dúvidas a respeito do tempo de contribuição e idade de aposentadoria com as novas propostas de reforma da previdência”, informou Janiel. “Avaliamos como um dia bastante proveitoso, apesar do baixo número de servidores envolvidos e participantes do evento nas duas cidades”, concluiu.